8 Mile – Rua das Ilusões

8 Mile

Jimmy Smith Jr. é um bom rapaz. Suburbano, proletário, trabalha como metalúrgico pra pagar as contas enquanto espera a oportunidade de mostrar seu talento como rapper. Só quer vencer na vida. A mãe, que vive num trailer com sua irmãzinha criança, é uma desajustada viciada em sexo com homens mais jovens. Os amigos vivem num ostracismo de intenções completo e difícil de sair. Mas Jimmy Smith Jr., ou Rabbit, não cansa de sonhar. Mas sonhador tem que ser rebelde. Enquanto coloca a irmãzinha pra dormir, briga com o homem que bate em sua mãe ou não esquece de desligar a TV antes de sair de casa, Rabbit sai atirando tinta em carros de polícia, incendeia casas abandonadas e trepa com a namorada num canto escuro do lugar onde trabalha. Mas nada dá certo. A oportunidade nunca chega. E várias pequenas decepções ocupam sua vida.

A vida de Jimmy Smith Jr. lembra muito a de um rapaz chamado Daniel LaRusso, o Daniel Sam. Ele também sofria com a incompreensão e apanhava horrores em busca de uma redenção. Só que Daniel apanhava no tatame e Jimmy leva porrada na rua e se vinga nos palcos. Ele protagoniza estranhos duelos contra oponentes igualmente rappers e diferentemente negros. Nos duelos, ganha quem xinga mais o outro, usando o maior número de palavrões possível. Jimmy é bom nisso.

A estréia de Eminem no cinema é surpreendente. O rapper consegue muito com sua interpretação: cerca de duas expressões faciais. Numa, ele aparece com um panaca assustado com olhos esbugalhados. Na outra, ele aparece assustado com um panaca e tem os olhos esbugalhados. Kim Basinger arrasa… com o bom senso. Difícil acreditar que o responsável pelos clichês seja o mesmo Curtis Hanson de Los Angeles – Cidade Proibida e Garotos Incríveis. Ah, mas foi ele que fez A Mão que Balança o Berço

8 Mile – Rua das Ilusões EstrelinhaEstrelinha
[8 Mile , Curtis Hanson, 2002]

Comentários

comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *