Tag: Manoel de Oliveira

O Gebo e a Sombra

João já partiu há oito anos, sem muitas explicações e sem deixar rastros aparentes. Sua mãe, Doroteia, e sua esposa, Sofia, se alimentam da esperança de um reencontro. Enquanto seu pai, personagem-título de O Gebo e a Sombra, carrega o peso do mundo, guardando para si um grande segredo. O que move o protagonista do […]

Mostra SP 2010: post 2

Os Amores de um Zumbi [The Loves of a Zombi, Arnold Antonin, 2009] É muito, muito fácil achar Os Amores de um Zumbi uma grande porcaria. Um filme com recursos zero, feito no Haiti e sobre um morto-vivo candidato a presidente. Quais as chances de uma coisa assim dar certo? É extremamente natural que já […]

Mostra SP 2005: Top 20

melhores filmes: 1 O Mundo, de Jia Zhang-ke. 2 Reis e Rainha, de Arnaud Desplechin. 3 Marcas da Violência, de David Cronenberg. 4 Os Atores do Teatro Queimado, de Rithy Panh. 5 Caché, de Michael Haneke. 6 Cinema, Aspirina e Urubus, de Marcelo Gomes. 7 2046, de Wong Kar Wai. 8 O Inferno, de Danis Tanovic. 9 Good Night, and Good Luck, de George […]

Um Filme Falado

Com o perdão da palavra, o mundo anda mesmo por caminhos bem tortuosos. É o que diz Manoel de Oliveira em seu penúltimo filme. Habilidoso, o diretor nos convida a acompanhar o cruzeiro de mãe e filha por alguns dos lugares mais importantes da história da Europa e, por conseqüência, do mundo – já que […]

Mostra SP 2004: dia 1

20 Dedos ½, de Mania Akbari [Bist Anghost, Irã/Grã-Bretanha, 2004] A atriz de Dez segue os passos do mentor, Abbas Kiarostami. Em cinco pequenas histórias, casais diferentes interpretados pela mesma dupla falam sobre a condição feminina no Irã. Pelo menos foi isso que disse a crítica. Mania Akbari claramente se apossa da estrutura do filme que a […]