[filme do ano]

O Céu de Suely, de Karim Aïnouz
A Dama na Água, de M. Night Shyamalan
The Host, de Bong Joon-ho [*]
O Novo Mundo, de Terrence Malick
Síndromes e um Século, de Apichatpong Weerasethakul [*]

[direção]

Apichatpong Weerasethakul, por Síndromes e um Século [*]
Bong Jon-ho, por The Host [*]
Karim Aïnouz, por O Céu de Suely
M. Night Shyamalan, por A Dama na Água
Terrence Malick, por O Novo Mundo

[ator]

Forest Whitaker, por Mary [*]
Leonardo Di Caprio, por Os Infiltrados
Matthew Macfayden, por Orgulho e Preconceito
Philip Seymour Hoffman, por Capote
Ryan Gosling, por Half Nelson [*]

[atriz]

Estamira, por Estamira
Helen Mirren, por A Rainha [*]
Hermila Guedes, por O Céu de Suely [*]
Isabelle Huppert, por A Comédia do Poder [*]
Q’Orianka Kilcher, por O Novo Mundo

[ator coadjuvante]

Donald Sutherland, por Orgulho e Preconceito
Jack Nicholson, por Os Infiltrados
João Miguel, por O Céu de Suely
Nanni Moretti, por O Crocodilo
Robert Downey, Jr., por A Scanner Darkly [*]

[atriz coadjuvante]

Beatrice Dalle, por Desejo e Obsessão [*]
Emily Blunt, por O Diabo Veste Prada
Melissa Leo, por Três Enterros
Meryl Streep, por O Diabo Veste Prada
Meryl Streep, por A Última Noite

[elenco]

O Céu de Suely
Orgulho e Preconceito
Pequena Miss Sunshine
A Scanner Darkly [*]
A Última Noite

[roteiro original]

Anna Boden & Ryan Fleck, por Half Nelson [*]
Bong Joon-ho, Chul-hyun Baek & Jun-won Ha, por The Host [*]
M. Night Shyamalan, por A Dama na Água
Nanni Moretti, por O Crocodilo
Philippe Garrel, com Arlette Langmann & Mark Cholodenko, por Amantes Constantes

[roteiro adaptado]

David Auburn, baseado no roteiro de Eun-Jeong Kim & Ji-na Yeo, por A Casa do Lago
Deborah Moggach, baseado no livro de Jane Austen, por Orgulho e Preconceito
Felipe Bragança, Karim Aïnouz & Mauricio Zacharias, baseado no roteiro de Karim Aïnouz, por O Céu de Suely
Garrison Keillor, baseado em seu programa de rádio, por A Última Noite
William Monahan, baseado no roteiro de Siu Fai Mak & Felix Chong, por Os Infiltrados

[cena do ano]

O boquete, em The Brown Bunny [*]
João volta de moto, em O Céu de Suely
Kinks na festa, em Amantes Constantes
Médica encara a câmera, em Síndromes e um Século [*]
Superman observa a casa de Lois, em Superman, o Retorno

[filme de estréia]

Anche Libero Va Bene, de Kim Rossi Stuart [*]
Estamira, de Marcos Prado
Half Nelson, de Ryan Fleck [*]
Orgulho e Preconceito, de Joe Wright
Sonhos de Peixe, de Kirill Mikhanovsky [*]

[filme brasileiro]

O Ano em que Meus Pais Saíram de Férias, de Cao Hamburger
O Céu de Suely, de Karim Aïnouz
Estamira, de Marcos Prado
Eu me Lembro, de Edgard Navarro
Sonhos de Peixe, de Kirill Mikhanovsky [*]

[fotografia]

Dion Beebe, por Miami Vice
Emmanuel Lubezcki, por Filhos da Esperança
Vilmos Zsigmond, por Dália Negra
Walter Carvalho, por O Céu de Suely
William Lubtchansky, por Amantes Constantes

[montagem]

Esmeralda Calabria, por O Crocodilo
José Eduardo Belmonte & Paulo Sacramento, por A Concepção
Lee Chatametikool, por Síndromes e um Século [*]
Michael Kahn, por Munique
Pedro Marques, por Juventude em Marcha [*]

[direção de arte]

Cássio Amarante, por O Ano em que Meus Pais Saíram de Férias
Dante Ferretti, por Dália Negra
Eugenio Caballero, por O Labirinto do Fauno
Jack Fisk, por O Novo Mundo
Rick Carter, por Munique

[figurinos]

Colleen Atwood, por Memórias de uma Gueixa
Jacqueline Durran, por Orgulho e Preconceito
Jacqueline West, por O Novo Mundo
Jenny Beavan, por Dália Negra
Mariano Tufano, por Mundo Novo

[maquiagem]

Abismo do Medo
O Labirinto do Fauno
Piratas do Caribe: o Baú da Morte
Terror em Silent Hill
X-Men: o Confronto Final

[trilha sonora]

Byung-woo Lee, por The Host [*]
Dario Marinelli, por Orgulho e Preconceito
James Newton Howard, por A Dama na Água
Javier Navarrete, por O Labirinto do Fauno
Terence Blanchard, por O Plano Perfeito

[canção]

“Me LLaman Calle”
autor: Manu Chao
intérprete: Manu Chao
Princesas [*]

“Song of the Heart”
autor: Prince
intérprete: Prince
Happy Feet, o Pingüim

“Tell Ol’ Bill”
autor: Bob Dylan
intérprete: Bob Dylan
Terra Fria

“‘Til the End of Time”
autor: DeVptchka & Nick Urata
intérprete: DeVotchka
Pequena Miss Sunshine

“Trouble Every Day”
autores: Dave Boulter, Dickon Hinchliffe, Alasdair Macaulay & Stuart Staples
intérprete: Tindersticks
Desejo e Obsessão [*]

[som]

Carros
Os Infiltrados
Miami Vice
Munique
Superman, o Retorno

[efeitos visuais]

O Labirinto do Fauno
Piratas do Caribe: o Baú da Morte
Superman, o Retorno
Terror em Silent Hill
X-Men: o Confronto Final

[filme de animação]

Carros, de John Lasseter, co-dir: Joe Ranft
Happy Feet, o Pingüim, de George Miller
A Scanner Darkly, de Richard Linklater [*]

[documentário]

Os EUA contra John Lennon, de David Leaf & John Scheinfeld [*]
O Homem-Urso, de Werner Herzog
Soy Cuba, o Mamute Siberiano, de Vicente Ferraz

Digam o que quiserem, mas 2006 foi um ano em que muitos filmes muito bons vieram para o Brasil. Seja em circuito, seja nos festivais de cinema que, ainda bem, assolam o país, se viu muita coisa boa, de muito lugar do mundo. Nesse embalo de retrospectiva, seguem meus favoritos entre os que eu vi neste ano, exclusivamente no cinema. Por causa desta regra, meu prêmio pessoal, o Frankie, homenagem ao grande Frank Capra, que chega hoje a sua décima quarta edição, é diferente da maioria dos outros porque não se guia pelas estréias oficiais do ano, mas pelo que eu assisti. Isso deixa de fora filmes que vão ganhar meus votos em algumas categorias do Alfred, o prêmio da Liga dos Blogues Cinematográficos, como Caché, O Segredo de Brokeback Mountain, ou 2046. O resultado com os vencedores sairá na sexta-feira, dia 5, a partir das 21h.

[*] indica os filmes que não estrearam neste ano e, portanto, não são elegíveis para o Alfred.

Comentários

comentários

19 comentários sobre “Frankies 2006: indicados”

  1. Chico,
    adoro listas, apesar de não ser lá muito bom para fazê-las. O que me surpreendeu aqui – e positivamente, falando – foi a presença de “A casa do lago” num terceiro lugar de roteiro adaptado. Bacana: gostei muito desse pequeno filme. Abração.
    Em tempo: “O céu de Suely” é demais, mesmo. E aquele sorriso dela na cena da moto perseguindo o ônibus é perfeito: de que outra maneira pode ficar quem está indo ao encontro da felicidade?

  2. Fábio, eu acho fracas as músicas de “Carros”. Adoro a música do Dylan para “Terra Fria”. A do “Miss Sunshine” acho legal.

    Eu acho que a protagonista de “Prada” é a Anne Hathaway e somente ela.

  3. Gostei bastante dos indicados só não gostei dos candidados a melhor canção acho que as musicas “Real Gone” e “Our Town” de Carros poderiam subistituir as de Terra Fria e pequena Miss Sunshine. Fiquei surpreso por você ter posto Streep como coadjuvante (O Diabo Veste Prada) eu acho que no filme ela junto com a Anne seria protagonista Emily e Stanley coadjuvantes.

    Feliz 2007!

  4. Sacanitas, o Spike terminou emplacando somente uma indicação nesse prêmio, mas devo votar nele na votação da Liga dos Blogues.

    João, comentei lá. Gostei bastante do espaço. Em março tem votação para novos membros na liga. Você só precisa se candidatar.

    Apichatpong me emocionou com este filme. Aliás, todos estes 5 mexeram comigo.

    Marcelo, eu acho que estranhei na época, mas não te xinguei. Tanto que fiz o mesmo agora.

    Edson e Layo, feliz 2007 para todos nós!

  5. oi, eu vi que vc comentou no meu blog… po, realmente A dama na água é tudo de bom. Só perde mesmo para Amantes constantes. Mas se eu tivesse que votar nessa lista aí, daria todos os prêmios possíveis pro Apichatpong.

    Isso sem ter visto Síndromes… hehe

    Como é que faz para entrar na Liga dos blogueiros cinematográficos?

    abraços

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *