Cobertura ao vivo do Oscar 2012 no meu Twitter: @chicofireman.

A noite de entrega do Oscar é amanhã e aqui está minha lista final de apostas para os vencedores nas categorias de longa-metragem. Escrevi um texto, publicado no Uol, sobre as chances de cada candidato nos quatro quesitos mais importantes: filme, direção, ator e atriz. Mas aqui faço previsões para todas as categorias. Dois dos principais prêmios, ator e atriz, na minha opinião, não têm franco-favoritos, então a ideia foi arriscar.

Berenice Bejo, Jean Dujardin, O Artista
filme

Quem ganha: O Artista, de Michel Hazanavicius
Quem ameaça: Histórias Cruzadas, de Tate Taylor
Quem merece: Os Descendentes, de Alexander Payne
Quem faltou: Drive, de Nicolas Winding Refn

O que faria O Artista perder o Oscar? Uma rejeição da Academia pelo fato do filme ser uma produção francesa. Acho que não, já que não existe língua estrangeira no filme. E, sem legendas, eles gostam mais. O fato de ser uma comédia? Difícil, já que o longa é uma homenagem à Hollywood dos anos 20, o que deve ser bem nostálgico para os acadêmicos. O apoio dos críticos foi pesado: Critics Choice e Globo de Ouro, inclusos. A indústria também aprovou: sindicato dos produtores e diretores. E o filme ganhou até o BAFTA do outro lado do Atlântico. Portanto, é favoritíssimo. Mas se ele não ganhar seria a fábula infantil e cinéfila de Martin Scorsese quem levaria ou o drama indie de Alexander Payne. A meu ver, se algum filme roubar o Oscar de O Artista, seria Histórias Cruzadas: uma história de denúncia e superação tipicamente americana.

Michel Hazanavicious
direção

Quem ganha: Michel Hazanavicius, O Artista
Quem ameaça: Martin Scorsese, A Invenção de Hugo Cabret
Quem merece: Alexander Payne, Os Descendentes
Quem faltou: Nicolas Winding Refn, Drive

Pela lógica dos prêmios, a vitória deve ser de Michel Hazanavicius, que ganhou o Critics Choice, o BAFTA e o prêmio do sindicato de diretores. Mas nesta categoria a assinatura conta um pouco e Martin Scorsese ganhou o Globo de Ouro, Hugo é o filme com o maior número de indicações e essa parece ser a única chance do filme levar um Oscar importante. Eu vou com Hazanavicius, mas se tio Marty ganhar não será uma grande surpresa. Muito menos uma surpresa ruim.

Jean Dujardin
ator

Quem ganha: Jean Dujardin, O Artista
Quem ameaça: George Clooney, Os Descendentes
Quem merece: Jean Dujardin, O Artista
Quem faltou: Michael Fassbender, Shame, e Ryan Gosling, Tudo pelo Poder

George Clooney parecia imbatível, mas Jean Dujardin cresceu bastante nos últimos tempos e agora os dois estão empatados. Clooney ganhou o Critics Choice e ambos levaram o Globo de Ouro. Dujardin, vencedor de comédia, parecia menos forte, mas o francês levou o prêmio do sindicato dos atores e o BAFTA. E começou a levar um pouco mais de vantagem. Mas para a surpresa de todos, perdeu o César, o Oscar francês. Ainda acho que ele leva, mas as chances dos dois são quase as mesmas.

Meryl Streep
atriz

Quem ganha: Meryl Streep, A Dama de Ferro
Quem ameaça: Viola Davis, Histórias Cruzadas
Quem merece: Michelle Williams, Sete Dias com Marilyn
Quem faltou: Kirsten Dunst, Melancolia

Aqui será a disputa mais sangrenta da noite. Viola Davis é a favorita, depois do prêmio do sindicato. Ganhou também o Critics Choice e seu filme tem mais visibilidade. Mas Meryl Streep nunca esteve tão perto da terceira estatueta. Ganhou o BAFTA e o Globo de Ouro por um personagem histórico, que ela interpreta em várias fases da vida, o que eles amam, e que é nada menos do que Margaret Thatcher. A repercussão deve ser bem maior na Academia do que em Dúvida ou Julie e Julia. E mais: faz 29 anos desde que a dama do cinema americano ganhou pela última vez.

Christopher Plummer
ator coadjuvante

Quem ganha: Christopher Plummer, Toda Forma de Amor
Quem ameaça: Max Von Sydow, Tão Longe e Perto
Quem merece: na real, ninguém. Entre os indicados, Jonah Hill, O Homem que Mudou o Jogo
Quem faltou: Shahab Houssein, A Separação

A noite dos velhinhos. Acho meio impossível que alguém tire o Oscar de Christopher Plummer, que nunca foi dos melhores atores, mas foi celebrado por todos os lados numa clara lembrança pelo conjunto da obra. Mas a Academia pode preteri-lo em favor de Max Von Sydow, outro veterano que nunca teve sorte no Oscar e indicado por um filme que concorre na categoria principal (e que só teria essa chance). Os outros não devem incomodar.

Octavia Spencer
atriz coadjuvante

Quem ganha: Octavia Spencer, Histórias Cruzadas
Quem ameaça: Bérénice Bejo, O Artista
Quem merece: Bérénice Bejo, O Artista
Quem faltou: Shailene Woodley, Os Descendentes

A interpretação de Octavia Spencer tem todos os clichês possíveis, mas a personagem simpática conquistou a todos. Ela ganhou o Critics Choice, o Globo de Ouro, o BAFTA e o prêmio do sindicato dos atores. É uma das maiores certezas da festa. Se ela perder o Oscar será uma surpresa. Caso isso aconteça, o que acho impossível, a única que teria chances a meu ver é Bérénice Bejo, personagem adorável que não ganhou quase nada nos precursores, mas que pode se beneficiar num eventual tsunami de prêmios de O Artista.

Woody Allen, Owen Wilson, Marion Cotillard
roteiro original

Quem ganha: Meia-Noite em Paris
Quem ameaça: O Artista
Quem merece: A Separação
Quem faltou: Shame

roteiro adaptado

Quem ganha: Os Descendentes
Quem ameaça: O Homem que Mudou o Jogo
Quem merece: Os Descendentes
Quem faltou: A Pele que Habito

filme estrangeiro

Quem ganha: A Separação
Quem ameaça: In Darkness
Quem merece: A Separação
Quem faltou: O Cavalo de Turim

filme de animação

Quem ganha: Rango
Quem ameaça: ninguém, mas se acontecer seria Chico & Rita
Quem merece: Rango
Quem faltou: As Aventuras de Tintim

Terrence Malick, Jessica Chastain
fotografia

Quem ganha: A Árvore da Vida
Quem ameaça: A Invenção de Hugo Cabret
Quem merece: A Árvore da Vida
Quem faltou: O Espião Que Sabia Demais

montagem

Quem ganha: O Artista
Quem ameaça: A Invenção de Hugo Cabret
Quem merece: O Artista
Quem faltou: Drive

direção de arte

Quem ganha: A Invenção de Hugo Cabret
Quem ameaça: O Artista
Quem merece: A Invenção de Hugo Cabret
Quem faltou: O Espião Que Sabia Demais

figurinos

Quem ganha: A Invenção de Hugo Cabret
Quem ameaça: W.E.
Quem merece: A Invenção de Hugo Cabret
Quem faltou: Imortais

maquiagem

Quem ganha: A Dama de Ferro
Quem ameaça: Harry Potter e as Relíquias da Morte – Parte 2
Quem merece: A Dama de Ferro
Quem faltou: A Invenção de Hugo Cabret

trilha sonora

Quem ganha: O Artista
Quem ameaça: Cavalo de Guerra
Quem merece: O Artista
Quem faltou: Tudo pelo Poder

canção

Quem ganha: “Real in Rio”, Rio
Quem ameaça: “Man or Muppet”, Os Muppets
Quem merece: “Man or Muppet”, Os Muppets
Quem faltou: “Pictures in my Head”, Os Muppets

mixagem de som

Quem ganha: A Invenção de Hugo Cabret
Quem ameaça: Cavalo de Guerra
Quem merece: Cavalo de Guerra
Quem faltou: Super 8

edição de som

Quem ganha: Cavalo de Guerra
Quem ameaça: A Invenção de Hugo Cabret
Quem merece: Drive
Quem faltou: Super 8

efeitos visuais

Quem ganha: Planeta dos Macacos: A Origem
Quem ameaça: A Invenção de Hugo Cabret
Quem merece: A Invenção de Hugo Cabret
Quem faltou: Capitão América

documentário

Quem ganha: Paradise Lost 3
Quem ameaça: Pina
Quem merece: Pina
Quem faltou: pelo que falaram, Projeto Nim.

Comentários

comentários

5 comentários sobre “Oscar 2012: apostas finais”

  1. Gostei de “Os Descendentes”, acho que George Clooney está muito bem, e o filme é bonito e algo realista. Mas drama familiar com jeitão indie nunca foi meu forte. Acho que “Os Descendentes” ainda pode levar o Oscar,suas chances persistem, mas eu ficaria muito desapontado. Não acho que mereça tanto.
    Gostei muito mais de “Hugo Cabret”, para quem fica minha torcida, e, é claro, para Martin Scorsese,além dos prêmios técnicos, que merece levar vários.
    Filme pouco visto, mas com um tom nostálgico tão delicioso que pode se tornar um cult algum dia.
    Também gostei bem mais de “Meia-Noite em Paris”, que não tem chances de emplacar no prêmio máximo, mas seria sim merecido (para mim,bem mais encantador que o filme do Alexander Payne).
    Infelizmente, não vi “O Artista” a tempo do Oscar, mas pelo andar da carruagem, deve estar merecendo toda essa enxurrada de prêmios.

  2. Chico! Adorei os seus palpites, estão bem parecidos com o meu. Se essa tendência se confirmar, teremos uma cerimônia com prêmios bem distribuídos ao longo da noite. Faltou comentar os azarões, ou seja, os que sairão de mãos abanando, como será possivelmente o caso de Money Ball, Jogos de Poder, O Espião Que Sabia de Mais e Cavalo de Guerra.

  3. Boas apostas, Chico. Já tinha lido seu texto no UOL e terminei de conferir as demais apostas aqui. Agora é esperar pela noite de amanhã para conferir e torcer muito. Abração

  4. No começo do texto sobre o Oscar tem uma janela que não fecha. Não dá para ler o início do texto. Negócio chato. Vou ler o que dá para ver, adoro seus comentários.

    Cristina

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *